Fórum de Debates sobre a Resolução Normativa ANEEL 482/2012 conta com a participação da ABSOLAR

Representantes de empresas e associações participaram, no dia 22/03, do Fórum de Debates sobre a Resolução Normativa ANEEL 482/2012. O objetivo do evento foi promover a discussão referente à proposta de alteração da regulamentação do modelo de micro e minigeração distribuída (objeto da Audiência Pública Aneel - 001/2019). Durante o encontro foram abordados temas como os aspectos que carecem de aprimoramento e as soluções propostas com foco na sustentabilidade do modelo de compensação de energia.



“É uma oportunidade de aumentarmos nosso conhecimento em microgeração e minigeração de energia e entendermos o momento que estamos vivendo e avaliar os avanços que teremos com a Resolução 482 “, afirmou Márcio Danilo Costa, presidente da Câmara da Indústria de Energia da FIEMG. “Quando falamos em Geração Distribuída (GD), estamos falando de energia limpa, de geração renda e empregos”, pontuou, lembrando que Minas Gerais está passando por uma crise econômica após a tragédia de Brumadinho. “Se olharmos o negócio de GD, vemos uma grande oportunidade de darmos uma reposta, imediata, para essa crise. E a FIEMG é a casa de negócios no estado e vamos trabalhar, incessantemente, para trazer futuros investimentos para nosso estado”, ressaltou Costa.

Carlos Alberto Calixto Mattar, apresentou um panorama da GD em Minas Gerais. “Em termos de potência instalada, os valores realizados estão acima das projeções mais otimistas da ANEEL!”. Ressaltou o Superintendente de Regulação dos Serviços de Distribuição da ANEEL. Mattar também explicou que o objetivo da revisão do sistema de compensação de energia é buscar o equilíbrio entre os consumidores com GD e os sem GD.

"A geração distribuída solar fotovoltaica agrega inúmeros benefícios e serviços para o setor elétrico e para a sociedade brasileira, alinhada aos anseios dos consumidores por uma energia elétrica mais barata, limpa e sustentável. Nesta etapa dos debates com a ANEEL sobre a Resolução Normativa 482/2012, a ABSOLAR tem trazido propostas construtivas para corrigir premissas dos modelos de cálculo da Agência, bem como incorporar atributos imprescindíveis que foram deixados de fora da primeira análise. É fundamental que a ANEEL aprimore a metodologia, para melhor representar os ganhos líquidos que a geração distribuída solar fotovoltaica traz ao Brasil", esclarece Rodrigo Sauaia, presidente executivo da ABSOLAR.

“Atualmente, duas são as principais dificuldades enfrentadas pelo consumidor que quer gerar sua energia e pelo empreendedor do setor: os entraves postos pelas distribuidoras e a insegurança com a regra que virá em 2020. É para aproximar o regulador do setor e permitir endereçar essas questões que este evento foi idealizado”, destaca Bárbara Rubim, vice-presidente de Geração Distribuída da ABSOLAR.

O Fórum de Debates Resolução ANEEL 482/2012 foi uma realização da FIEMG por meio de sua Câmara da Indústria de Energia e da Assessoria de Energia.

REN ANEEL 482/2012 – Estabelece condições gerais para o acesso de microgeração e minigeração distribuída aos sistemas de distribuição de energia elétrica e de compensação de energia elétrica.

X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok