11/09/2017

Acampamento às margens do Araguaia é abastecido com energia solar

  Voltar
Canal Bioenergia

O sol que atrai centenas de turistas para as praias do Araguaia, em Goiás, também é fonte de geração de energia elétrica para os acampamentos no local. Isso porque foram instaladas placas fotovoltaicas no “Acampamento dos Amigos”​, realizado​ dos dias 06 a 10 de setembro em Aruanã (GO)​.
A ação visava fornecer energia elétrica para o sistema de bombeamento de água durante o dia e armazenar energia suficiente para abastecer um lounge sustentável, onde ocorria luau acústico à noite. A exclusividade do lounge não ficou apenas no fornecimento de energia 100% renovável, pois o mesmo ainda contou com material reciclado e reutilizado, além de decoração natural para um total de 60 pessoas acampadas.
A ação é pioneira e de iniciativa da empresa goiana Stonos Desenvolvimento Criativo em parceria com a Globaltek, empresa de soluções em energia fotovoltaica offgrid.

Dados
A energia solar fotovoltaica está em ampla expansão no Brasil e é uma opção viável para redução de custos. Só no ano de 2016, o setor cresceu mais de 300%, com perspectivas ainda maiores para os próximos anos. A crise não abalou o setor de energias renováveis, que se mostram como uma importante alternativa para a retomada de crescimento no País. Pedro Provázio, engenheiro eletricista diretor da Stonos, explica que é preciso pensar em soluções que atendam às demandas sem prejudicar o meio ambiente. “A energia fotovoltaica se utiliza basicamente da incidência solar. Com o investimento no sistema é possível garantir um retorno do valor despendido em aproximadamente 5 anos. As praias do Araguaia são locais de contemplação, por isso escolhemos a região para chamar a atenção para a necessidade de repensar velhos hábitos”.
A energia solar fotovoltaica é gerada a partir da incidência de luz solar em placas fotovoltaicas. Seu uso pode reduzir em até 95% a dependência da energia distribuída pelas concessionárias. Além disso, trata-se de uma fonte renovável, sendo assim, de baixo impacto ambiental.

Setor
Neste mês, o Brasil atingiu a marca de 100 MW de potência acumulada em sistemas de microgeração e minigeração distribuída solar fotovoltaica. De acordo com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), o Brasil possui 12.520 sistemas solares fotovoltaicos conectados à rede, trazendo economia e engajamento ambiental a 13.897 unidades consumidoras, somando mais de R$ 850 milhões em investimentos acumulados desde 2012.
 
Sobre a Stonos Desenvolvimento Criativo
Empresa goiana de engenharia atuante nos ramos da energia, sustentabilidade e  construção. Através de empreendimentos arrojados, a Stonos atua no setor imobiliário levando sustentabilidade e infraestrutura com baixo impacto ambiental.
Apoiar os processos de consolidação da construção sustentável e da universalização da energia implicam na participação da cadeia produtiva, o que a Stonos define como comprometimento junto à evolução da sociedade.
  Voltar
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok