20/03/2015

Diretor da ABSOLAR destaca potencial de crescimento para energia solar

  Voltar
FIERN

O último painel da 16º Reunião do COEMA Nordeste na Casa da Indústria foi apresentado pelo diretor executivo da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), Rodrigo Lopes Sauaia, que falou das oportunidades e desafios para expansão da energia do solar.

Em meio a conjuntura de elevadas tarifas de energia elétrica que vem sofrendo reajustes de 17% em 2014 e 33% este ano, a energia solar é outra fonte complementar que poderia mitigar os efeitos da crise no país no período de estiagem. "É um novo potencial para aquecer as economias nacional e locais e atrair uma cadeia produtiva para a região", disse.

Com a perspectiva de dois leilões de energias de reserva a serem realizados este ano, ele alerta para a necessidade de melhorar mecanismos de licenciamento técnico, reduzindo burocracia e dando maior agilidade nas instalações de usinas. Até 2023, o Ministério de Minas e Energia projeta 3,5 GW de fotovoltaica em leilões em todo o país.

Para o Nordeste, a perspectiva se traduz em oportunidade de geração de emprego e renda. Cada Megawatt instalado gera em média 30 empregos. E a região pode se transformar, pelo potencial, em um pólo de fabricação de equipamentos", avalia Sauaia.

Entre as dificuldades a serem superadas para um maior aproveitamento da incidência solar na região, o especialista chamou a atenção para as mudanças no regime tributário, bem como políticas de incentivo fiscal criadas pelos estados.
  Voltar
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok